Virgínia conta que faz exercícios físicos todos os dias e que continua frequentando pizzarias e churrascarias.

Não deixei de comer o que gosto”, garante a paranaense Virgínia Mender Krüger, que perdeu 30 quilos em um ano. Para ela, que mora em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, a mudança de hábitos foi natural e fundamental para ir dos 109 aos 79 quilos.

Virgína conta que começou a ganhar peso quando parou de trabalhar por causa da saúde do filho, de cinco anos.

“Quando virei dona de casa, comecei a comer mais do que precisava. Não resistia a uma bolacha. Isso foi o que me levou ao excesso de peso”, lembra.

Em uma sessão de terapia, a psicóloga recomendou que Virgínia, que levava uma vida totalmente sedentária, praticasse uma atividade física para dedicar um tempo a si mesma e para também se desligar um pouco dos problemas do dia a dia.

“Foi quando comecei a correr com uma amiga e não parei mais”, explica. Hoje, a dona de casa participa até de competições e conta que todo exercício físico que faz tem o acompanhamento de um profissional.

Além de correr, Virgínia também faz pilates e musculação. “Faço exercícios físicos todos os dias. No fim de semana, quando meu marido está disposto, também vamos correr”, conta.

Mas, conforme a paranaense, não foi só a atividade física a responsável pelo emagrecimento.

“Também procurei um nutricionista. Eu comia muito carboidrato. Hoje, não deixei de comer, mas diminuí a quantidade. Continuo indo à churrascaria, à pizzaria, comendo doces. Mas, nos outros dias, sempre tento compensar diminuindo as calorias”, explica.

“Eu não tinha problema com a minha aparência, não me achava gorda. Fazia muito tempo que usava a mesma numeração de roupa, meus exames eram bons. Hoje, vejo a diferença. Olho as fotos e quase não me reconheço”, revela.

A paranaense conta, ainda, que, agora, tem mais disposição para as tarefas diárias. “Acordo mais disposta a fazer exercícios físicos, cuidar da casa, da rotina do meu filho. Sem dúvidas, a disposição aumentou e me sinto mais feliz!”, relata.